Uma organização responsável por grandes carregamentos e distribuição de maconha em Curitiba foi descoberta na tarde de terça-feira, por investigadores do Centro de Operações Policiais Especiais (Cope).

Alexander Paraguaia Oliveira, 22 anos, foi preso em flagrante com 15 quilos de maconha em uma mochila. Em seguida, os policiais encontraram, em uma casa abandonada, na Rua das Mamonas, no Tarumã, mais 335 quilos da droga.

As investigações duravam dois meses e, logo depois que os policias descobriram o local utilizado para armazenar a droga, duas equipes iniciaram monitoramento até que o dono da maconha aparecesse para buscá-la.

Mochila

Segundo o delegado Renato Bastos Figueiroa, Alexander e outro homem, identificado apenas como “Táxi”, eram investigados. “No fim da tarde de terça-feira, ele entrou na casa e, minutos depois, saiu com a mochila cheia de droga. Foi abordado e autuado em flagrante”, explicou.

O delegado disse que as investigações continuam para identificar outros componentes da organização. “Essa droga foi avaliada em mais de R$ 100 mil, e sabemos que eles negociavam semanalmente grandes cargas como esta”, completou.