A polícia vai responsabilizar criminalmente os responsáveis pela tragédia ocorrida na última segunda-feira na Rua Angelina Cavali, Jardim Eucaliptos, em Colombo, quando um poste de energia elétrica caiu e os fios de alta tensão mataram duas pessoas: Derzi Aparecida da Silveira, 32 anos e seu sobrinho Rodrigo Carvalho Coli, 14.

Na ocasião, a comunidade local culpou funcionários da Copel pela ocorrência por não terem trocado o poste causador do acidente. O artefato já estaria avariado há três semanas quando foi atingido por um Chevette. “O carro derrapou e bateu nele, danificando sua estrutura”, contou um popular.

O delegado do Alto Maracanã, Marcus Vinicius Michelotto, informou que já encaminhou ofícios à Copel solicitando informações sobre o caso. A intenção é descobrir quem são os responsáveis pela manutenção dos postes e quem participou da vistoria no poste causador da tragédia. “Quero saber quem tinha o poder de decisão sobre a troca do poste”, afirmou o delegado. Ele disse que está colhendo depoimentos junto à população e também os protocolos de pedidos à Copel solicitando a troca ou reparos no poste. “Vamos responsabilizar os culpados criminalmente. Um ou mais responsáveis; não importa. A população pode ter certeza de que não vamos nos omitir diante dessa situação”, disse Michelotto.

O inquérito policial está tramitando e o responsável pelo acidente deve responder por homicídio culposo.