Denúncia sobre um jovem que vendia drogas sintéticas em baladas e bares de Curitiba levou os policiais do Centro de Operações Policiais Especiais (Cope) a prender Rafael Melo da Silva, 28 anos, na noite de sábado (20). Com ele foram apreendidos cerca de 1000 compridos de ecstasy, LSD e ketamina.

O delegado Rodrigo Brown explicou que Rafael vinha sendo investigado após informações anônimas e, na noite de sábado, uma equipe fazia uma observação próximo a residência dele, na Cidade Industrial.

O suspeito foi abordado quando saía de casa. Segundo o delegado, ele estava com 300 comprimidos de ecstasy e 63 pontos de LSD. Na residência foram encontrados mais 625 comprimidos de ecstasy e 44 unidades de ketamina – anestésico de uso veterinário com efeito alucinógeno.

Também foi apreendido anotações sobre as vendas de drogas do rapaz. De acordo com o delegado, os registros apontam que em uma noite ele chegava a comercializar 300 comprimidos de ecstasy. “Por aí vemos o dano que ele vinha causando a nossa juventude”, destacou.

 Foram apreendidos cerca de 1000 compridos de ecstasy, LSD e ketamina.