Foto: Alberto Melnechuky

O quarteto foi preso numa empresa, na Vila Renault.

Uma quadrilha especializada em assaltos a residências, chácaras e empresas, em localidades rurais de São José dos Pinhais, foi tirada de circulação, na noite de quarta-feira, pela Guarda Municipal do município. Alex Sandro Machado, 25 anos, Gílson de Oliveira, 20, Celso Luiz da Silva, 50, e Elias Costa dos Santos, 34, foram presos em flagrante quando assaltavam uma empresa na Rua Ermenegildo Soares Machado, na Vila Renault. Quatro pessoas foram feitas reféns e depois libertadas. Os quatro bandidos foram encaminhados para a delegacia de São José dos Pinhais e autuados por roubo.

Armado de revólveres e uma pistola, o quarteto aproveitou que a maioria dos funcionários já havia ido embora e invadiu a empresa, rendendo um casal. Duas pessoas que passavam pela rua e viram os assaltantes rendendo o casal, também foram puxadas para dentro da empresa.

Distraído com o crime, um dos bandidos não se deu conta e enroscou o pé num fio, que aciona o alarme na casa do proprietário da empresa. Em poucos minutos, uma equipe da Guarda Municipal chegou ao local e deu voz de prisão para o quarteto.

De acordo com o guarda Samaroni, Celso tentou fugir, pulando um muro nos fundos da empresa. ?Mandei ele parar, mas não teve jeito. Entramos em luta corporal e consegui detê-lo?, contou o guarda. Com eles foram apreendidos uma pistola 765, dois revólveres, três celulares e munição.

Outros crimes

Enquanto os guardas preenchiam os documentos na delegacia, outro empresário chegou no local e reconheceu Celso como sendo o mesmo que há pouco mais de 40 dias roubou a sua propriedade, na Colônia Muricy. ?Eles chegaram em três, levaram cheques, dinheiro e fugiram no meu carro?, contou.

Alex Sandro e Gilson já têm passagem por porte ilegal de arma de fogo. Celso já cumpriu pena de 17 anos por roubo.