Três integrantes da direção da Penitenciária Estadual de Cascavel (PEC) foram afastados de suas funções por tempo indeterminado até que as investigações sobre a rebelião que começou no início da manhã do dia 24 agosto, e que terminou com cinco mortos, sejam concluídas.

O Departamento de Execução Penal (Depen) foi quem determinou a substituição da diretoria e o novo diretor da PEC é Aclínio José Amaral, ex-diretor da Penitenciária Central do Estado (PCE), em Piraquara.

Paraná Online no Facebook