Fábio Alexandre
Adilson e João, presos em flagrante com dinheiro ?frio?.

Adilson dos Santos de Jesus, 23 anos, e João Carlos Ferraz de Andrade, 31, foram presos em flagrante, na tarde de ontem, tentando passar notas de dinheiro falsas no comércio. Eles foram apanhados com 21 notas de R$ 50,00.

Segundo o sargento André, na terça-feira, a Polícia Militar recebeu o comunicado do gerente de um posto de combustíveis na Fazendinha, que uma dupla, num Marea prata, estava tentando fazer pagamentos com notas falsas. Na tarde de ontem, o sargento André e o soldado L. Cordeiro, do 13.º Batalhão, patrulhavam a CIC quando viram o Marea placa BDG-0999 em frente a uma mercearia, na Rua Ludovica Kaminski. A dupla foi apanhada com algumas notas falsas.

Na casa de João Carlos, na CIC, a polícia ainda encontrou mais dinheiro ilícito. Eles alegaram aos policiais que três notas falsas custam R$ 50,00 e são fornecidas por um morador de Campo Largo. Com as informações dadas pela dupla, a polícia já investiga quem é o fornecedor.

Os policiais ainda estiveram na empresa de João Carlos, a Data Byte Escola de Informática, na Rua Raul Pompéia, na Fazendinha, e constataram ser só de fachada. A dupla foi entregue na Polícia Federal e pode pegar entre quatro e 12 anos de cadeia.