Dois bandidos armados assaltaram, mais uma vez, a agência do Banco Popular da Rua Manoel Valdomiro de Macedo, na Cidade Industrial, por volta das 11h desta segunda-feira (28). Segundo funcionários, dois homens armados chegaram ao local aos gritos e pediam por dinheiro. Eles fizeram a limpa no local, mas não contavam que, na agência bancária ao lado, um guarda municipal tirava dinheiro. O homem viu toda a ação, houve troca de tiros, mas os bandidos conseguiram fugir com R$ 4.800,00. Ninguém ficou ferido.

“Os dois estavam completamente transtornados e muito agressivos. Abriram a porta com os pés e apontavam a arma para a cabeça de todos os funcionários, nem chegaram a anunciar o assalto”, disse uma funcionária, que não quis se identificar. Ela contou que fazia um mês da data do último assalto. “Estou aqui há seis meses e já fomos assaltados mais de cinco vezes, virou rotina”.

Confronto

O guarda municipal, que estava de folga e pediu para não ser identificado por segurança, disse que, por pouco, não estava na agência assaltada. “Vim pagar contas. Tirei dinheiro no banco Santander, que fica ao lado, e estava indo para o Banco Popular bem na hora do assalto. Vi toda a ação”, contou o guarda.

O guarda tentou parar a dupla de bandidos na porta da agência, mas os marginais atiraram e houve confronto. Os tiros disparados pelos bandidos perfurou a parede e atingiu um dos caixas.

Segundo o guarda municipal, os bandidos correram e entraram em um Celta prata, que os esperava nas proximidades.

Ferido

“Suspeito que um deles tenha sido baleado, mas não tenho certeza”, disse. A Polícia Civil investiga o crime e iria procurar por baleados que dessem entrada em hospitais.

O Banco Popular não é equipado com porta giratória, com detector de metal, e apenas uma grade “protege” a entrada.

Paraná Online no Google Plus

Paraná Online no Facebook