Além do crime em São José dos Pinhais, três homens foram mortos em uma hora, na noite de quarta-feira, na região metropolitana. Às 22h30, Leôncio dos Santos Filho, 37 anos, foi executado dentro de casa, na frente da mulher e das filhas, no bairro Iguaçu, em Fazenda Rio Grande.

De acordo com testemunhas, dois encapuzados invadiram a residência, na esquina das ruas Rio Açungui e Rio Mandaçaí, e atiraram em Leôncio, que correu para o quarto onde estavam a esposa e as filhas. Os assassinos não se importaram com a presença delas e atiraram novamente em Leôncio. A esposa relatou à polícia que o marido era viciado em crack e recebia ameaças por dívidas com traficantes.

Carro

Meia hora antes, Vagner Neves de Lara, 31 anos, levou um tiro nas costas e morreu dentro de um Palio, na Rua Archelau de Almeida Torres, região central de Araucária. A vizinhança, com medo de represálias, não deu características do atirador, que fugiu em outro carro. Vagner já tinha sofrido outro atentado. Em agosto do ano passado, foi condenado a mais de 6 anos de prisão, em regime semiaberto, por roubo cometido em 2009, em Curitiba. Às 21h30, Adalto Rodrigues de Aquino, 19 anos, levou mais de dez tiros no peito, nas costas, na cabeça e nas pernas, dentro de uma residência, na Rua Tatiane de Souza Pereira, Vila Nova, em Piraquara. A delegacia local ainda não tem informações sobre a autoria e motivação do crime.