Dois jovens de 22 anos foram mortos com pedradas na cabeça, em Piraquara e no Tatuquara, entre a noite de sábado e madrugada de ontem. Nos dois casos, a polícia acredita que as vítimas estavam envolvidas com o tráfico de drogas.

Por volta de 21h de sábado, Robert Wilson Marcondes dos Santos foi agredido com tijoladas. O crime foi bem na porta da casa dele, na Rua Sandro Bodê, Vila Franca, em Piraquara. Segundo moradores, ele era pai de duas filhas e mudou-se para o local há três dias.

Tatuquara

O outro caso aconteceu pouco antes da 1h. Com um pedaço de concreto, o agressor esfacelou a cabeça do pintor David Evandro Pires na Rua Jeremias Eugênio Fernandes, esquina com Rua Júlio Salsamendi, no Jardim Santa Rita. Apesar do crime ter ocorrido em frente a uma residência, ninguém soube dar detalhes do assassino.

Pouco antes de ser assassinado, o rapaz saiu de casa de bicicleta, sem dizer para onde ia. Familiares dele contaram ao investigador Henrique, da Delegacia de Homicídios (DH), que David era usuário de drogas e há tempos tentava se livrar do vício.