A polícia já tem o nome dos suspeitos de assassinar o presidiário Jeferson Ermelino dos Santos, conhecido como ?Dé?, 25 anos, e de balear o irmão dele, Everton Ermelino dos Santos, no início da madrugada de domingo. Os irmãos foram baleados em um bar na Rua Laís Pereti, Jardim Ipê, em São José dos Pinhais.

O delegado Paulo Silveira, titular da delegacia da cidade, acredita que o crime foi motivado por vingança. Jeferson foi acusado de matar a dona de um bar, Adair dos Santos Oliveira, 45; o amásio dela, Ezequiel Camargo da Luz, e o filho da comerciante, Aguinaldo de Oliveira Júnior, 23 anos, que era paraplégico, em 2005. Uma semana depois do crime, Jeferson foi preso. Como parentes das vítimas estavam recolhidos no xadrez da delegacia local, e ameaçaram matar o rapaz, ele foi transferido para o Alto Maracanã, de onde escapou em março do ano passado.