Tomado por um ciúme doentio e inconformado com a separação recente, um homem baleou a ex-mulher em Rio Branco do Sul, na noite de domingo. Zenilda Vaz Platner, 18 anos, foi socorrida por familiares e encaminhada ao hospital, onde morreu. O ex-marido, Marcelo, 23, está foragido.

De acordo com a mãe da vítima, Zenilda estava morando com ela desde que se separou do rapaz, há aproximadamente três meses. Na noite de domingo, ela realizou os afazeres domésticos e foi para o quarto juntamente com o filho do casal, de apenas três anos. O ?ex? chegou na moradia, situada na rua Pedro Osório, Vila São Pedro, e a invadiu. No quarto, ele não se importou com a presença do filho e efetuou um único disparo com a espingarda que carregava. O tiro acertou a cabeça de Zenilda que foi conduzida, em estado grave, para o hospital de Rio Branco do Sul e, posteriormente, transferida para o Hospital Cajuru, em Curitiba. No início da madrugada de ontem, ela morreu.

Os policiais de Rio Branco do Sul esperam que Marcelo se apresente espontaneamente na delegacia, caso contrário será solicitada à Justiça a sua prisão preventiva.

Na delegacia já havia sido registrado um termo circunstanciado, pela vítima, contra o ex-marido. O TC foi encaminhado ao Fórum da cidade para que fosse agendada uma data para resolver a situação entre o ex-casal. Porém antes da decisão sobre a audiência, Zenilda foi executada.