Após se despedir da mãe e do padrasto, Jhonatan Willian da Silva Santos, 18 anos, foi executado com tiros na cabeça, na Rua Haiti, bairro Rio Verde, em Colombo, às 21h30 da última sexta-feira. Segundo a polícia, os autores seriam dois rapazes que ocupavam uma motocicleta. Carlos Vieira, padrasto da vítima, contou que Jhonatan trabalhava como carregador de tacos de golfe no Graciosa Country Club, no Cabral, e cursava a 8.ª série. ?Era um rapaz bom, estudava, trabalhava. Ficava mais em casa. Só costumava sair nos fins de semana?, disse Carlos.