Fotos: Alberto Melnechuky/Tribuna

Júnior ficou conversando depois que o boteco fechou as portas.

Facadas e tijoladas tiraram a vida do servente Júnior Fernandes dos Santos Soares, 19 anos, às 2h30 de ontem, em São José dos Pinhais. O assassinato aconteceu em frente a um bar, na Rua Nauher Bortolotti, Jardim Primavera.

Segundo a polícia, após o fechamento do boteco, três pessoas ficaram no lado de fora, entre elas Júnior, e teriam se desentendido. A vítima apresentava marcas de facadas no peito e ferimentos na cabeça, provocados por tijoladas.

O chefe de investigação da delegacia local, Altair Ferreira, suspeita que um homem chamado Ozéia tenha sido o autor do homicídio. Ozéia seria irmão de ?Xiru?, assaltante que está foragido e, de acordo com Ferreira, já teria cometido vários assassinatos no bairro.