Ladrões e receptadores de fio de cobre de Curitiba e região metropolitana estão na mira da Delegacia de Furtos e Roubos (DFR). Vários comércios e ferros-velhos foram vistoriados durante operação nessa sexta-feira, com o objetivo de diminuir a incidência dos furtos de cabos.

Cerca de 20 policiais participaram da ação e a vistoria passou por estabelecimentos nos bairros Fazendinha, Boqueirão, Parolin e Cidade Industrial; e também nos municípios de Piraquara e São José dos Pinhais.

Uma Kombi carregada com cabos de uma empresa de telefonia, já cortados, e várias baterias usadas para transmissão de sinal, foi apreendida pela DFR na segunda-feira. Alexandre Zelaski Alves, 38 anos, foi detido em flagrante com o veículo, e autuado por receptação. Ele já tinha passagem por roubo.

Alexandre alegou que o veículo estava estacionado no terreno da casa da mãe dele e que não o pertencia. Ele afirmou não saber que os fios estavam dentro da Kombi.

O alto número de furtos de cabos de telefonia e de semáforos em Curitiba e região motivou a operação da DFR. Somente neste ano, um semáforo no cruzamento das ruas Pedro Gusso com Desembargador Cid Campêlo foi alvo de bandidos 12 vezes. A Prefeitura de Curitiba chegou a instalar uma placa no local com os dizeres: “Semáforo apagado devido a furtos de cabos”.

Paraná Online no Facebook