Numa emboscada, o freteiro Luiz Carlos Munhoz, 50 anos, foi baleado na cabeça durante tentativa de assalto, em Almirante Tamandaré, na manhã de ontem. Os bandidos tentaram fugir no veículo da vítima, a Kombi placa BNV-8759, mas por causa da trava do alarme, foram obrigados a abandoná-lo e fugir a pé.

O atentado aconteceu por volta das 10h30. O freteiro foi levado inconsciente pelo Siate ao Hospital Cajuru, onde permanecia internado em estado grave até a noite de ontem.

De acordo com boletim registrado pela Polícia Militar, um casal procurou Luiz em sua casa, na Rua Mandirituba, Jardim Roma, naquele município, por volta das 10h, para contratar um frete. O freteiro pegou a Kombi e seguiu até o endereço do suposto serviço, na Rua José Real Prado, no Jardim Rosana. Ele já estaria acompanhado do casal.

Mato

Uma testemunha viu quando um homem identificado como Gilson e sua mãe saíram da Kombi e entraram num matagal. Em seguida, ouviram-se tiros no mato. A vizinhança encontrou Luiz caído a cerca de 100 metros do veículo, com um tiro na cabeça.

É possível que os atiradores quisessem levar a Kombi, mas a vítima deve ter acionado algum dispositivo de segurança e o veículo parou de funcionar. Os bandidos tiveram que fugir a pé. “Pelo que pudemos apurar, os autores seriam conhecidos da vítima”, contou o aspirante Wittkowski, do 17.º Batalhão da Polícia Militar.

Quando os socorristas do Siate chegaram ao local, Luiz estava consciente e revelou o primeiro nome do autor do crime. A delegacia da cidade já tem o registro do caso e iniciou investigações.