Onze presos fugiram da carceragem do Alto Maracanã, em Colombo, no fim de semana. Eles cavaram um túnel e saíram por um terreno baldio ao lado da delegacia. Até o momento, nenhum foi capturado. Um dos que fugiram foi José Ricardo Ferraz, o “Cambará”, preso sexta-feira, suspeito de seis homicídios na região.

Segundo explicou José Braga, superintendente do Alto Maracanã, a fuga foi percebida às 7h de ontem, quando os policiais fizeram a contagem de presos. Com capacidade para oito homens, a cadeia abrigava 33.

Túnel

Os presos quebraram o piso do xadrez e conseguiram dobrar a chapa de aço que há embaixo. Com a ajuda de pedaços de ferro, que cortaram da porta da cela, cavaram o buraco. O túnel tinha cinco metros de comprimento. Esta é a segunda fuga na nova delegacia do Alto Maracanã.

Informações sobre os fugitivos podem ser passadas à delegacia pelos telefones 3605-0263 ou 3562-9069.