Foto: Fábio Alexandre
Roberto costumava se
ausentar de casa.

A calmaria do primeiro dia do ano, na Vila Icaraí, Uberaba, foi quebrada por tiros, às 14h. Roberto Aparecido de Matos de Almeida, 22 anos, foi assassinado no terreno de uma casa abandonada na Rua Nossa Senhora Aparecida. Apesar de o crime ter ocorrido em pleno dia, nenhum morador soube dizer o motivo ou quem o cometeu.

Roberto passou a virada do ano com a família e vizinhos. Depois, saiu de casa e não voltou para dormir. ?Há alguns dias ele dormia fora, e nunca nos dizia onde estava?, disse o padrasto da vítima, Lafaiete de Souza, 47.

No começo da tarde, moradores ouviram quatro disparos e depois encontraram o corpo de Roberto. Atingido na cabeça, pescoço e ombro, ele morreu antes da chegada de socorro. Lafaiete contou que sua esposa tentou internar o filho para que ele se livrasse do vício do álcool, mas o rapaz recusou a ajuda.