A promessa de morte recebida pelo adolescente Elias Messias de Freitas, 17 anos, foi cumprida no fim da manhã de ontem, na Rua Ieda Solange Ribeiro, Jardim Alegria, em São José dos Pinhais, bem próximo de onde ele morava.

O garoto foi executado com vários tiros de pistola calibre 40, quando passeava de bicicleta e foi abordado pelo assassino. O crime aconteceu ao lado do Centro de Referência de Assistência Social da Juventude (Cras) onde várias crianças estavam brincando.

Os policiais do 17.º Batalhão da Polícia Militar disseram que Elias estava armado e que houve tiroteio. Eles não descartaram a possibilidade de, depois do rapaz ter sido assassinado, os matadores terem roubado a arma da vítima. O soldado Honório informou que, segundo testemunhas, os assassinos estavam em um Gol branco.

Mãe

Os familiares do rapaz disseram que Elias não era usuário de drogas, mas que o crime pode estar relacionado com o envolvimento do garoto em um homicídio. “Ele já ficou detido no ano passado, no Educandário São Francisco, mas desde que saiu não se envolveu mais com coisa errada”, lamentou a mãe.