Uma mulher foi literalmente salva de um linchamento na Praça Rui Barbosa, no centro de Curitiba, na noite desta terça-feira (15).  Segundo a Guarda Municipal, as equipes chegaram ao momento que a mulher era agredida por três mulheres e dois homens. Os agressores seriam familiares de um bebê que a mulher cuidava e que morreu no hospital.

De acordo com a GM, o motivo das agressões era por causa de uma suspeita da família de que, supostamente, a babá teria sido responsável pela morte do bebê, que tinha dois meses. Eles estavam no Instituto Médico-Legal para liberar o corpo da criança, quando viram a mulher e partiram para cima dela.

A babá só escapou da morte, porque uma equipe da GM viu o que aconteceu. Os agressores fugiram e a mulher foi levada para um hospital, com fratura no nariz e diversas escoriações pelo corpo.

Depois de receber atendimento no hospital, a vítima das agressões foi levada para o 1º Distrito Policial, também no Centro, onde fez um boletim de ocorrência. Os envolvidos ainda não foram localizados.

A suposta responsabilidade da babá pela morte do bebê não foi confirmada. Segundo a GM, a criança teria sido levada ao Hospital Cajuru e não resistiu, mas a causa da morte foi natural.

Paraná Online no Facebook