?Você me conhece?? A pergunta foi feita para André Luiz Ferreira, 29 anos, que ao responder ?conheço?, assinou sua sentença de morte. O homem que lhe fez a pergunta o matou em seguida, a tiros, no final da tarde de ontem, na Rua Crescêncio Batista, Jardim Fênix, em Pinhais. André tentou correr para dentro de um bar, mas o criminoso lhe seguiu atirando, até ter certeza que seu alvo não sobreviveria.

De acordo com o investigador Valdemir, de Pinhais, André estava parado em frente ao Bar do Paulinho, em sua moto, conversando, quando o homem chegou e perguntou se André o conhecia. Quando respondeu afirmativamente, viu que o homem lhe mataria e correu para o bar. Sem se importar com outros clientes no local, o matador seguiu a vítima atirando e terminou de dar os disparos atrás do balcão do estabelecimento, onde André tombou morto. Relatos dão conta de cerca de seis tiros foram disparados pelo marginal.

Depois disso, o bandido fugiu a pé. Algumas pessoas presenciaram a cena, mas disseram ao investigador que não sabiam quem era o assassino. Valdemir revelou que André já esteve preso na delegacia de Pinhais, duas vezes por porte ilegal de arma e uma vez por tentativa de homicídio. Estava respondendo pelos crimes em liberdade. Há uma suspeita de que possa ter sido uma vingança ou um ?acerto? ainda de sua época na cadeia.