Um homem foi morto a tiros na madrugada de ontem no bairro Augusta, depois que saiu para ver um barulho no portão. Valderi Francisco de Souza, 34 anos, dormia quando acordou com um ruído estranho lá fora, na Rua Eduardo Serra. Minutos depois de sair no portão, foi baleado e morreu na frente de casa.

Segundo a mãe de Valderi, Maura Maria Costa, ela estava no quarto e ouviu uma rápida conversa entre o filho e o atirador. “Em seguida, vieram os tiros e eu sabia que era meu filho (baleado)”. O motivo do crime, segundo a mãe, seria uma briga com a vizinha. “Ele discutiu com a menina que mora na casa dos fundos, por causa de um homem que estava na casa dela tarde da madrugada, mas são sei se foi por isso, eu só ouvi o bandido falar que ele tinha mexido com o irmão dele e em seguida vieram os tiros”. O filho era usuário de drogas.

A mãe viu o atirador fugir a pé. O assassino não foi identificado. Policiais da Delegacia de Homicídios estiveram no local e investigam o caso.