A amizade entre dois colegas de trabalho acabou em desavença e morte em Rio Branco do Sul. Pedro Ribeiro Lucas, 39 anos, estava há uns 20 dias trabalhando como peão na fazenda Campina dos Matosos, na Estrada do Saiuá, zona rural, onde conheceu Erasmo, apontado como autor do crime. Uma desavença entre os dois, provavelmente motivada por bebida alcoólica, teria sido o motivo do assassinato. Erasmo foi detido, indicou à polícia onde estava o corpo, mas apresentou versões desencontradas para o fato, negando a autoria. Ele está detido na delegacia local.