Uma briga de gangues pode ter sido o motivo da morte de Giovanni Gomes da Cruz, 21 anos, assassinado a facadas, no início da madrugada de ontem, na região do bairro Santa Rosa, em Campina Grande do Sul. O rapaz foi socorrido por populares até o Hospital Angelina Caron em estado grave, mas morreu em seguida.

O soldado Sandro, do 17.º Batalhão da Polícia Militar, disse que a vítima não tinha passagens pela polícia e que vários amigos o acompanharam até o hospital, mas ninguém deu detalhes de como o crime aconteceu. ‘Todos ficaram receosos em contar o que aconteceu, inclusive pessoas do relacionamento da vítima. Infelizmente, a polícia não tem ajuda na hora de tentar desvendar o caso e prender os assassinos‘, comentou o policial.

O caso está sendo investigado pela delegacia do município.