Robson Pereira do Nascimento, 18 anos, recebeu 10 balaços enquanto fugia de dois encapuzados pelas ruelas da Vila das Torres, no início da noite de sábado. Eliseu Gonçalves dos Santos, 12 anos, que brincava com a irmã, foi atingido por um disparo na perna e também está hospitalizado.

Enquanto brincavam na Rua Esperandio Domingos Fugiatti, às 19h30 de sábado, Eliseu e sua irmã viram Robson ser perseguido pelos atiradores. O rapaz corria, enquanto os bandidos disparavam tiros em sua direção. Porém, um dos disparos atingiu a perna do menino, mas isso não fez com que a perseguição terminasse.

Robson caiu algumas ruas depois, ferido no braço, barriga e peito, além de outras partes do corpo, mas pelas primeiras avaliações, estaria fora de perigo. Segundo informado aos investigadores da Delegacia de Homicídios, ele teria sido levado por familiares até o Hospital Cajuru, onde está internado. A polícia espera sua recuperação para conseguir detalhes do atentado. Robson é morador no Parolin e não está descartada a possibilidade de um desacerto por causa de drogas, ou mesmo, uma rixa entre gangues.