Possível vítima de assalto, Luiz Cláudio Colaço, 19 anos, foi ferido a tiros na noite de sábado, na Rua Porecatu, no Sítio Cercado. O rapaz foi socorrido pelo Siate, encaminhado ao Hospital Cajuru e morreu horas mais tarde.

Na Delegacia de Homicídios (DH), até a tarde de ontem não havia registro da morte do rapaz e, segundo o investigador Pimentel, a DH só é responsável pelos crimes que não têm autoria conhecida. Nos casos de o latrocínio, a Delegacia de Furtos e Roubos é quem assume as investigações, porém, também esta não sabia da morte de Luiz.