Gravidez indesejada foi o estopim para a ocorrência de uma agressão e posterior tentativa de homicídio, no bairro Tatuquara, em Curitiba. De acordo com registro da Delegacia de Homicídios, por volta das 22h de quinta-feira, André Witt, 22 anos e morador na região, foi alvejado por dois tiros quando caminhava pela Rua Delegado Bruno de Almeida. Os tiros atingiram a vítima no braço e na região lombar.

Segundo André, que prestou esclarecimentos na DH, o autor dos disparos seria seu ex-cunhado – conhecido por Rafael – que, inclusive, teria montado uma tocaia para pegá-lo. No depoimento, o baleado contou que Rafael engravidou a irmã dele, com quem já havia morado anteriormente. O rapaz não quis assumir a paternidade.

Briga

Indignado com a atitude de Rafael, André foi até a casa do ex-cunhado tirar satisfações. Iniciou-se uma discussão e, em seguida, Rafael foi agredido e jurou vingança. Na noite de quinta-feira cumpriu a promessa. Esperou a passagem de André pela rua e efetuou os disparos. O autor fugiu logo em seguida. O caso vai ser acompanhado pela DH.