José Adir, Marcos e Luís Fernando não
tiveram nenhuma chance de defesa.
Os três amigos foram mortos com balaços
na cabeça, disparados à curta distância.

Com mais de dez tiros, três rapazes foram executados na Vila Zumbi dos Palmares, no sábado à tarde, durante uma emboscada. Foram mortos com balaços na cabeça José Adir Teixeira, 21 anos; Maicon Ismael dos Santos e Luís Fernando Domingues, ambos de 16. O tríplice crime ocorreu na esquina da Rua 38 com Rua Vicente Machado, perto da lombada eletrônica instalada na BR-116, já no município de Colombo.

Poucas informações foram obtidas sobre o caso, pela polícia. De acordo com o superintendente Job de Freitas, da delegacia do Alto Maracanã, Maicon saiu de casa – na Vila Zumbi – para procurar a irmã (Michelle), que estava demorando a retornar. Para não ir sozinho convidou os dois amigos para acompanhá-lo. Maicon teria recebido a informação de que Michelle estava naquela esquina. Ele e os colegas José e Luís resolveram verificar. Ao chegar no endereço, o trio foi executado. Todos receberam tiros na cabeça e seus corpos ficaram estirados à margem da rua de terra batida, próximos um do outro. Os garotos foram mortos com tiros disparados à curta distância.

Investigação

A tarefa de conseguir dados sobre o crime é dificultada pela “lei do silêncio”, que impede que moradores passem informações à polícia. “Ainda não temos nada de concreto sobre a autoria nem quantas pessoas participaram da ação. Sabemos apenas que o local era uma emboscada”, disse Job. O superintendente espera, nas próximas horas, obter novas pistas para dar um rumo às investigações. “Moradores devem ligar para a delegacia do Alto Maracanã e dar alguma informação”, disse. Outra providência a ser tomada pela polícia é o levantamento da ficha criminal das vítimas, para tentar descobrir algum fato que possa levar ao motivo da execução. Nos próximos dias, familiares também auxiliarão a polícia comparecendo à delegacia e prestando depoimentos.