Num prazo inferior a uma semana, três escolas foram alvo de ladrões na Lapa. A última a ser arrombada foi a Escola Irmã Santa Rita, na madrugada de ontem, localizada na região de Água Azul, de onde foram retirados videocassete, computador, televisor e aparelho de som. Para entrar no estabelecimento, os marginais cortaram os fios do sistema de alarme. O acesso às salas foi feito através do arrombamento de seis portas. Segundo a direção, além dos equipamentos eletrônicos, os bandidos levaram ainda a merenda escolar destinada às crianças.

Na última sexta-feira, a Escola Municipal Mirazinha Braga e a Estadual Lacerda Braga, situadas no mesmo terreno, mas que ocupam prédios separados, também foram invadidas por ladrões e tiveram vários equipamentos eletrônicos subtraídos. Essas escolas estão localizadas no distrito de Mariental, a oito quilômetros do centro da cidade.

Dificuldade

O delegado Dirceu Schactae relatou que a polícia está investigando os assaltos e tentando levantar informações sobre as características dos invasores, mas ainda não há nenhuma pista concreta. “Até o momento não há um consenso nas informações repassadas pela população”, comentou. Segundo ele, os crimes ocorreram de madrugada e isso dificultou que testemunhas pudessem passar dados precisos sobre os ladrões.

Afogamento

Bombeiros localizaram na manhã de ontem o corpo do lavrador Fernando José Pinto Fantin, 21 anos, que estava desaparecido desde o último dia 20 de outubro. Ele foi encontrado boiando nas águas do Rio Iguaçu, na região da Fazenda Lagoa Dourada. Segundo informações da polícia, a vítima estava nadando no rio em companhia de um irmão e amigos quando se afogou.