Uma loja de confecção situada nos arredores da Praça do Carmo foi assaltada, no final da tarde de segunda-feira, por dois homens armados. De acordo com informações da Delegacia de Furtos e Roubos (DFR), os assaltantes chegaram ao estabelecimento por volta das 18h30 e surpreenderam o gerente e outros três funcionários quando eles terminavam de fechar o estabelecimento. Obrigados a entrar na loja, foram trancados no banheiro. Os assaltantes ficaram bem à vontade para fazer a “limpa”. Pelo registro na delegacia foram levados do local quatro computadores, documentos e pertences pessoais dos funcionários, além de R$ 500 mil em cheques pré-datados e R$ 20 mil em dinheiro, retirados do cofre. Os marginais fugiram num Golf que ainda não foi recuperado.

Conforme o delegado Gil Tessarolli, testemunhas do crime começaram a ser ouvidas na delegacia e o policial espera, em breve, divulgar o retrato falado dos marginais. “Estamos iniciando investigações para identificar os ladrões. Já temos algumas informações sobre quadrilhas que agem desse modo”, explicou o delegado. Os assaltantes foram descritos como morenos, um alto e outro baixo com cavanhaque.