Irene Marochi da Silva, 53 anos, foi mais uma vítima da violência doméstica. Ela foi assassinada com um golpe de machado na cabeça no final da manhã de ontem, no centro de Balsa Nova. O marido dela e autor da atrocidade, João Gonçalves da Silva, 60, está foragido. A vítima foi socorrida e encaminhada até o hospital de Campo Largo, mas morreu antes de receber atendimento médico. Pelas informações obtidas, Irene estava disposta a terminar o casamento que já durava cerca de 30 anos, mas a atitude não foi bem aceita pelo marido. Por volta das 11h de ontem, houve um desentendimento entre o casal e na seqüência a agressão.

De acordo com o soldado Vieira, da Polícia Militar, foram realizadas buscas na região para prender o acusado, mas até o início da noite ele não havia sido localizado.