A intervenção da Polícia Militar numa briga de casal, no final da tarde de sexta-feira, na Rua Antônio Valenga, Planta Deodoro, em Piraquara, acabou em morte. Anísio Jordão, 66 anos, reagiu à prisão e foi ferido com três tiros. Ele foi socorrido, mas morreu alguns minutos depois de dar entrada no Hospital Cajuru.

Depois de permanecer casado por mais de 25 anos com Lourdes Boava Pedroso, Anísio a expulsou de casa. Por volta de 17h de sexta-feira, ela acionou os policiais militares do 17.º Batalhão para que fossem até a residência para convencer o marido a lhe entregar suas roupas.

Quando os policiais chegaram na casa, encontraram Anísio armado com um revólver calibre 32. Durante a abordagem, ele resistiu e esboçou reação com a arma em punho. Atingido, foi socorrido pelos próprios policiais e levado ao Hospital Cajuru, mas morreu momentos depois.

Até a manhã de sábado não havia registro da ocorrência na delegacia de Piraquara.