Além do rapaz assassinado em São José dos Pinhais, outras dois morreram vítimas de arma de fogo, no início da manhã de ontem na região metropolitana de Curitiba.

Na Rua Maurício Rosemann, Vila São Venâncio,em Almirante Tamandaré, um rapaz moreno, de cabelos pretos curtos e uma estrela tatuada na perna direita, foi executado com pelo menos 18 tiros na cabeça e no peito.

Vizinhos ouviram a sequência de disparos por volta de 3h30 e o barulho de um carro arrancando, mas só por volta de 6h encontraram o rapaz, que aparenta ter entre 17 e 20 anos. “Pelo que se pode perceber ele foi executado de pé e tombou morto na valeta na rua”, contou o soldado Costa, do 17.º BPM.

Pinhais

Uma hora antes, na Rua Cuiabá, em Pinhais, o servente Wagner Ângelo Paulino da Silva, 26, foi assassinado a tiros por volta de 5h no Conjunto Bonilauri, em Pinhais.

Segundo testemunhas, o rapaz levou os tiros depois de uma discussão. Moradores da região contaram que ele tinha envolvimento com drogas, mas nunca incomodou a vizinhança.