Em menos de 24h, duas agências bancárias foram arrombadas, supostamente pela “gangue do maçarico”. Na madrugada de domingo, caixas eletrônicos do Banco do Brasil, em São José dos Pinhais, foram arrombados e, na manhã de ontem, uma agência do Banco Real, na Rua Augusto Stresser, Hugo Lange, foi atacada.

Segundo o perito da Polícia Científica, Silvestre Ornelas, o grupo age com equipamento moderno, e sempre utiliza muita água para que as notas não queimem com o calor do maçarico. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Furtos e Roubos.