O marido de Elaine Darly da Silva, 20 anos, é o principal suspeito de ter matado a jovem, na sexta-feira, em São José dos Pinhais. Elaine foi atingida com um tiro nas costas, quando ia para o trabalho, a poucos metros de casa, no Guatupê.

De acordo com o superintendente Clóvis Pinheiro, as investigações apontam que Elaine vinha se relacionando com outro rapaz. O companheiro soube do caso e teria atirado na jovem por ciúme e para se vingar do desafeto.

Crime

Elaine trabalhava para uma concessionária de carros e saiu de casa para pegar uma van até o serviço, por volta das 13h. Ela deu apenas alguns passos e foi baleada na Rua Aloísio Barros e levada por populares até o posto dos bombeiros, no Afonso Pena, onde socorrida pelo Siate. A jovem morreu a caminho do Hospital São José.