Lincon fabicava armas.

O hábito de fabricar e manusear armas caseiras causou um trágico acidente na tarde de ontem, no município de Piraquara. Lincon Silva, 47 anos, foi encontrado morto, pelos vizinhos, no quintal de sua casa, com a arma nas mãos. A polícia acredita que, ao manuseá-la, ele a tenha disparado acidentalmente, apesar da hipótese de suicido também estar sendo investigada. Lincon morava na Rua Teixeira Soares, Jardim Santa Mônica.

De acordo com o soldado Alves do 17.º Batalhão de Polícia Militar, por volta das 16h50 os vizinhos ouviram o disparo e foram até a casa de Lincon. Lá, eles encontraram o morador morto com um tiro um pouco acima dos olhos, segurando a arma feita por ele. Segundo os moradores, Lincon tinha o costume de fabricar armas utilizando madeira e cano de ferro e, ao carregá-la, olhar para dentro do cano. “Possivelmente neste momento ele tenha disparado sem querer e a bala atingiu seu rosto”, disse o soldado.

Os vizinhos também disseram que Lincon tinha o costume de ingerir grande quantidade de bebida alcóolica e dizer que iria se matar, o que não descarta a hipótese de suicídio. Há informações que o morto tinha sido policial militar e estava afastado de suas atividade há dez anos.