No dia em que completou 50 anos, Santinor de Jesus Moreira de Lima foi assassinado no portão de casa, num beco na Rua Professor José Farani Mansur Guerios, no Parolin.

Santinor era chapeiro e estava pronto para ir ao trabalho, por volta das 5h30 de ontem, quando foi chamado no portão e levou vários golpes de facão na frente das quatro filhas.

Segundo testemunhas, o autor do crime foi um homem conhecido no bairro como Jorge e que seria traficante. Ele parou na frente da casa de Santinor e o chamou pelo nome. Apesar de as filhas implorarem para que não fosse atender, Santinor saiu de casa e foi golpeado no peito, barriga, mãos e braços, na frente delas.

Vizinhos comentaram que o homem era evangélico e ficou viúvo recentemente. Ele cuidava sozinho das quatro filhas, que agora estão órfãs. O agressor fugiu a pé e é procurado pela polícia.