Morreu na noite de quarta-feira, no Hospital Cajuru, o cabo da Polícia Militar Geraldo Adriano Simionatto, 30 anos, lotado na 4.ª Companhia do 17.º Batalhão. Ele havia sido atropelado na noite do último dia 4 de maio, na Estrada da Ribeira, em Colombo, enquanto atendia uma ocorrência à margem da rodovia. Na ocasião, além do cabo, também foram atropelados o soldado Paulo Henrique de Souza Felizardo, 31, e o transeunte Natanael dos Santos Cardoso, 22, que estava sendo abordado pelos policiais.

O carro atropelador foi a Brasília placa AIH-1255, conduzida por Sidney Franco, que parou logo após o acidente. Sidney realizou teste de dosagem alcoólica – que deu negativo – e posteriormente foi liberado para aguardar o desenrolar do processo.

Os outros dois feridos passam bem. Simionatto será sepultado hoje, às 10h, no Cemitério Santa Cândida, com honras militares.