A chuva pode ter contribuído para três mortes nas estradas do Paraná, próximo à capital, logo na primeiras horas da noite de segunda-feira. Na PR-092, Rodovia dos Minérios, quilômetro 17,5, em Almirante Tamandaré, a colisão frontal entre o caminhão Mercedes-Benz, carregado de cimento, placa LZJ-0696, de Fraiburgo (SC), e a motocicleta CG Titan, ainda sem placa, resultou na morte do motoqueiro Dirceu Medeiros Biajones, 38 anos, às 18h45. O caminhoneiro Paulino de Oliveira, 23, contou aos policiais rodoviários estaduais que chovia muito na hora do acidente e a moto apareceu de repente em sua frente. Ele ia de Rio Branco do Sul sentido a Curitiba e a moto no sentido contrário. O homem foi levado à delegacia da cidade para prestar depoimento.

Família

Quase na mesma hora, um caminhão atropelou uma família em um carrinho de catar papel, na BR-116, sentido a São Paulo, proximidades do trevo do Atuba, em Colombo. Jonas Carriel da Silva, 5 anos, que estava sendo transportado junto aos papéis, morreu na hora. O pai dele, Pedro Valdir de Campos, 43 anos, Sheila Silva Campos, 1, Simone Silva Campos, 4, tiveram lesões leves e Vanderléia Carriel da Silva, 28, lesões graves. Todos os feridos foram levados pelo Siate ao Hospital Cajuru. Segundo informações colhidas pela Polícia Rodoviária Federal, o caminhão Volvo, BWJ-1384, conduzido por Carlos Eduardo da Costa, 44 anos, foi fechado por uma Kombi e fez um “L” na pista, colhendo a família no acostamento da rodovia. A Kombi evadiu-se do local.

Capotamento

Por volta das 19h50, policiais rodoviários federais atenderam uma outra ocorrência com morte. No quilômetro 45 da BR-277, na Serra do Mar, a camioneta S-10, placa AJP-4243, capotou, ocasionando a morte do condutor, Gilberto Yoshiaki Ocu, 44 anos. O corpo foi encaminhado para o IML de Paranaguá.