Policiais da 8ª Subdivisão Policial de Paranavaí, no norte do Estado, realizaram, nesta terça-feira (6), mais uma edição da operação contra o tráfico de drogas, denominada “Liberdade”. A ação resultou no cumprimento de sete mandados de prisão e dez de busca e apreensão, expedidos pelo Poder Judiciário de Paranavaí.

De acordo com as investigações, Evandro Emanoel Cardoso, conhecido por “Mano”, 33 anos, César Fernando da Silva, conhecido por “Cesinha”, 31, Davi Alexandre Vasconcelos, conhecido por “Davi Gordo”, 38, Alex Simplício dos Santos, 36, Alexandro Rodrigues Morais, conhecido por “Sandrinho Lixeiro”, 37, Edson Marchiori Pereira, 34, e Jépolis Henrique Sampaio da Silva, 19, seriam os principais responsáveis pelo tráfico de drogas nos bairros Jardim Simoni, Vila Operária e Campo Belo, todos em Paranavaí.

César, Alex e Edson foram presos durante as investigações. Os demais foram detidos na operação, em suas residências, em Paranavaí. Nas casas dos suspeitos, os policiais encontraram 10 quilos de crack e 1,1 quilo de cocaína. Foram apreendidos ainda R$ 15 mil, duas motocicletas Honda e três carros.

Um dos mandados de busca e apreensão cumpridos levou a polícia a localizar uma casa de prostituição que explorava adolescentes. O responsável pelo local, Juares Pereira dos Santos, 38, foi preso em flagrante e está no Setor de Carceragem Provisória da 8ª SDP.

Todos os presos foram autuados por tráfico de drogas e associação ao tráfico e foram encaminhados para a carceragem do mini-presídio de Paranavaí. A polícia trabalha para encontrar dois suspeitos que estão foragidos e tem mandados de prisão já expedidos.

Liberdade

O nome da operação foi determinado em virtude da nomenclatura adotada pela Secretaria de Estado da Segurança Pública do Paraná (Sesp), que assim identifica todas as ações da Polícia Civil voltadas para o combate ao tráfico de drogas.