Um trio de arrombadores de residências foi preso em flagrante na tarde de ontem (19), em Colombo, logo após invadirem duas residências. Todos os produtos levados das casas foi recuperado.

Na mesma operação, policiais também prenderam em flagrante outros dois marginais em fuga, que haviam acabado de assaltar uma loja de móveis. Fioravante Perruchon, superintendente da delegacia do Alto Maracanã, explicou que a Polícia Civil tem feito operações de segurança na região.

Na tarde de quinta-feira, circulavam pela Colônia Farias quando suspeitaram de três rapazes num Pálio prata. Dentro do carro havia dezenas de eletroeletrônicos e, cruzando informações, descobriram que o trio arrombou uma casa em Campina Grande do Sul e a outra no Bacacheri, momentos antes da abordagem.

Ismael Cardoso Júnior, 23 anos, Willian de Castro Souza, 24, e Fabiano Martins Benedito, 23, foram presos em flagrante pelo furto. A polícia ainda descobriu que o Pálio que eles usavam estava com placas clonadas.

Era um Pálio levado de outra residência, arrombada no dia 29 de fevereiro no Bairro Alto, onde eles carregaram vários objetos da casa e levaram tudo junto embora.

Ismael já tem antecedentes por furto, roubo e porte ilegal de arma e reside na Vila Zumbi. Willian, que mora na mesma vila, já tem passagem por furto e falsidade ideológica.

Fabiano é o único que mora no Jardim Paulista e é evadido da Colônia Penal Agroindustrial, onde cumpria pena por roubo. Quase todos os crimes que o trio responde de furto e roubo são contra residências.

Na delegacia, as vítimas reconheceram seus objetos. Os três presos deram vários nomes de receptadores à polícia, que vai investigar cada um dos nomes dados. Com o trio a polícia recuperou quatro televores, três câmeras digitais (uma profissional), dois videogames, dois grills, uma centrífuga de roupas, um blue ray e três capacetes.

Mais presos

Na mesma operação pela região do Alto Maracanã, que botou na cadeia o trio de arrombadores, a Polícia Civil também prendeu em flagrante Rafael Ronei de Lima Martins, 20 anos, e apreendeu um adolescente de 16 anos. Ambos ainda estava em fuga, após roubarem uma loja de móveis na Estrada da Ribeira, no centro do Alto Maracanã.

Um dos assaltantes estava armado com um revólver calibre 38. A dupla entrou na loja, deu voz de assalto e tomou dinheiro do caixa, além de pertences dos funcionários, incluindo seis celulares.

Os policiais civis patrulhavam a área quando desconfiaram da dupla numa moto. Na abordagem, os pegaram com a arma e os telefones. Checando informações, confirmaram que Rafael e o adolescente haviam acabado de assaltar a loja de móveis.

Ambos foram reconhecidos pelas vítimas. Os dois detidos são moradores da região. Rafael é evadido da Colônia Penal Agroindustrial, onde cumpria pena por outro assalto.