Um homem de 30 anos foi detido na noite de quinta-feira, em Ponta Grossa, nos Campos Gerais, acusado de agredir violentamente o próprio filho, de três anos, com um cabo de vassoura. O caso aconteceu em uma residência do Jardim Cachoeira.

Segundo a Polícia Militar, foi o Conselho Tutelar quem atendeu à situação. A mãe do garotinho chegou em casa do trabalho e se assustou ao ver o menino com a cabeça sangrando. Como a criança ainda não fala, quando a mãe perguntou o que tinha acontecido o menino apenas apontou para uma vassoura e uma cinta do pai.

Logo uma vizinha se aproximou da casa e relatou o que viu. As duas, então, chamaram as conselheiras tutelares que acionaram a PM. Logo que os policiais chegaram à casa, prenderam o agressor.