A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (29) a Operação Formatura, com o objetivo de desmantelar uma quadrilha especializada na confecção e venda de diplomas falsos com atuação no Paraná e em mais seis estados: Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, São Paulo, Espírito Santo, Rio de Janeiro e Santa Catarina. Estão sendo expedidos quatro mandados para busca e apreensão em Curitiba e um em Pinhais.

De um modo geral, a irregularidade constatada trata-se de confecção de certificados de conclusão de curso e/ou diplomas ideologicamente falsos, especialmente no que se refere à conclusão de ensino à distância relacionado aos ensinos médio e fundamental.

As investigações foram iniciadas no ano de 2008, por ocasião de denúncia recebida, via internet, pela PF de Campo Grande, que instaurou inquérito para apurar as irregularidades em toda sua extensão, bem como identificar estabelecimento e pessoas envolvidas no esquema.

A 5ª Vara de Campo Grande expediu 59 mandados de Busca e Apreensão, 25 no Mato Grosso, 2 no Mato Grosso do Sul, 11 em São Paulo, 1 no Espírito Santo, 1 no Rio de Janeiro, 12 em Santa Catarina e 5 no Paraná. Os materiais porventura arrecadados no contexto da operação serão encaminhados para o Setor de Perícias Criminais da Polícia Federal em Campo Grande.