Uma casa que funcionava como espaço para jogos foi fechada pela Polícia Militar (PM) próximo a esquina das ruas Doutor Roberto Barrozo, com Rua João Gomes, nas Mercês, na noite desta terça-feira (7). No local, que seria frequentado por pessoas de classe alta, foram encontradas 25 máquinas caça-níqueis. Duas pessoas foram encaminhadas à delegacia.

Quando os policiais entraram na casa, 15 pessoas estavam lá dentro. O que chamou atenção dos policiais foi o fato de que a maior parte dos clientes da casa de jogos era de idosos que tinham dinheiro.

O gerente da casa de jogos, de 40 anos, e uma funcionária, de 29, foram encaminhados ao Centro Integrado de Atendimento ao Cidadão (Ciac) Sul, no Portão. As máquinas apreendidas, foram encaminhadas ao 5º Distrito Policial.

Os dois assinaram Termo Circunstanciado (TC) e foram liberados em seguida. De acordo com a polícia, os dois já tinham sido encaminhados em outras situações, por causa do mesmo crime envolvendo jogos de azar.