Duas grandes rinhas de galos foram descobertas por policiais militares Batalhão de Polícia Ambiental no fim de semana, em Campo do Tenente e Cambé, no Paraná. No total foram recuperados mais de 100 galos, todos machucados e cerca de 130 pessoas foram autuadas. Entre eles está o vice-prefeito de uma cidade de Santa Catarina e um policial militar aposentado.

Policiais foram até a localidade “Pau de Casca”, em Campo do Tenente, no sábado (18), onde localizaram cerca de 90 pessoas e 65 galos. Entre as pessoas estava Danilo Bender, vice-prefeito de Ibicaré, cidade do oeste catarinense com 3.300 habitantes. A reportagem ligou na prefeitura e foi informada pelo Secretário de Administração e Finanças que Danilo não estava e não tem conhecimento do ocorrido. Um sargento da reserva também estava no local. O dinheiro cobrado da entrada, cerca de R$ 4 mil reais foi apreendido.

Em Cambé, policiais militares da 2.ª Companhia de Polícia Ambiental de Londrina chegaram em uma chácara no domingo (19) e flagraram os galos em pleno combate e mais de 40 pessoas no local.  Foram recuperados 48 galos vivos, mas muito machucados e dois mortos. Foram apreendidos materiais como tesouras, seringas, biqueiras, esporas, cronômetros, remédios, além de uma lista de apostadores.

Na segunda-feira (20), os galos iriam receber atendimento médico, porém, as aves foram furtadas da chácara onde estavam abrigados, em Cambé.  A polícia investiga o sumiço. Todas as pessoas envolvidas assinaram Termo Circunstanciado de Infração Penal. Os organizadores das duas rinhas vão responder por maus tratos contra animais.