A Polícia Militar de Guaratuba faz um alerta ao comércio e à população local que fiquem atentos ao receber notas de R$ 20, tendo em vista a possível soltura de quase R$ 5 mil em notas falsas na cidade litorânea nos últimos dias. Na madrugada deste domingo (25), dois homens (pai de 60 anos e filho de 21) foram presos e encaminhados à Polícia Federal após pagarem combustível, em um posto de gasolina, com notas falsas.

Com pai e filho, a PM apreendeu 16 notas falsas, além de R$ 4.980 em notas verdadeiras.  No domingo (25), outras duas notas falsas de R$ 20 foram encontradas em um  estabelecimento comercial. “Provavelmente o dinheiro verdadeiro foi trocado pelo falso em um ou mais locais”, esclarece o capitão Cesar Kamakawa, comandante da subárea de Guaratuba, na Operação Verão. “Acreditamos ainda que, levando em consideração o montante de dinheiro verdadeiro que encontramos, existem mais de 200 notas falsas circulando em Guaratuba”, alerta Kamakawa.

O homem de 60 anos já possuía diversas passagens pela polícia pelo crime de roubo, e seu filho também tinha duas passagens. “Além da população de Guaratuba, é preciso que as pessoas dos outros balneários também estejam atentas, pois podem ser alvos”, lembra o capitão. “Os criminosos querem aproveitar a temporada e o grande fluxo de pessoas para passarem despercebidos, no entanto estamos trabalhando fortemente para apanhá-los”, garante.

Dinheiro falso

Na madrugada de domingo, o proprietário de um estabelecimento comercial relatou que dois homens abasteceram um veículo e pagaram com uma nota de R$ 20 falsa.  “Somente depois que a dupla saiu, a vítima percebeu que se tratava de uma nota falsa e acionou a polícia”, conta Kamakawa.

A partir de buscas, os policiais encontraram os suspeitos em um posto de gasolina, onde já tinham utilizado outra nota de R$ 20. “Durante revista ao veículo encontramos, debaixo do tapete do motorista, sete notas iguais as outras, e descobrimos uma casa onde havia outras sete cédulas”, disse Kamakawa.