O Instituto de Identificação do Paraná, com base no depoimento de testemunhas, elaborou o retrato falado dos três suspeitos de matar o paulista Diogo Beu Pereira, 29 anos, em 29 de janeiro. A intenção do trio era roubar o carro da vítimas, que tinha vindo de Ribeirão Preto, dias antes, a trabalho.

Ele e um amigo estacionaram o Renault Sandero em frente a um prédio na Alameda Cruz Machado, centro, para aguardar um morador, quando foram surpreendidos pelos suspeitos. Quando recebeu a voz de assalto, Diogo tentou entrar no carro e fugir, mas foi atingido por dois tiros. O amigo dele também foi baleado, mas passa bem.

Com a divulgação do retrato falado, a equipe da Delegacia de Furtos e Roubos aguarda denúncias sobre o paradeiro do trio. Informações podem ser dadas pelo telefone (41) 3218-6100.