A Delegacia de Homicídios e Desaparecidos do Departamento Estadual de Investigações Criminais de Porto Alegre (RS) está procurando o jogador de futebol do Grêmio Mário Fernandes, que teria deixado a cidade às 22h de sexta-feira (13) com destino a Londrina (PR). O avião em que Fernandes estava fez uma conexão em Curitiba antes de chegar em Londrina. A Delegacia divulgou, na manhã desta terça-feira (17), durante uma coletiva em Porto Alegre, imagens captadas pelo circuito interno de TV do aeroporto na capital gaúcha. A Subdivisão de Londrina está subsidiando a polícia do Rio Grande do Sul com informações do período em que o jogador esteve na cidade.

“Todo o Rio Grande do Sul está atrás do jogador. Na noite de sexta-feira (13) ele estava de camiseta preta, bermuda jeans, tênis e sem bagagem”, disse o delegado Bolívar Llantada. Segundo ele, até o momento, as investigações descartam a possibilidade de seqüestro, extorsão, crime patrimonial ou contra a pessoa.

Mário Fernandes chegou ao aeroporto de Porto Alegre às 20h de sexta-feira e embarcou às 22h com destino a Londrina. “Em Londrina, fez um saque às 9h19 de sábado e foi para Florianópolis. Na segunda-feira (12) de manhã, às 10h, fez mais um saque em um caixa na Praça XV de Novembro da capital catarinense e depois disso não tivemos mais informações dele”, contou o delegado Llantada.

O delegado Llantada solicita que qualquer informação sobre o paradeiro do jogador seja repassada à polícia gaúcha, pelo telefone 08005104701, ou para a delegacia que estiver mais próxima de onde o rapaz for visto.