Um esquema de troca de veículos roubados por droga foi descoberto por policiais da Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos de Curitiba, na tarde de quinta-feira. Duas pessoas identificadas como Clarice Dias de Almeida, 37 anos, e Emerson Juk da Cunha, 19, foram presas. Mas acredita-se que o esquema envolva integrantes do Estado de São Paulo. Os detidos foram autuados por receptação e alteração de componentes de veículo.

Na quinta-feira, através de uma denúncia anônima, investigadores da DFRV foram inspecionar uma oficina mecânica na Vila Trindade, em Curitiba. Lá, localizaram dois carros com queixa de roubo: o Astra placa ANG-9989 e o Corsa placa ALG-7770, mas que no momento estava com a placa fria CIC-2718. Conforme informações do sistema de dados da polícia, o Astra fora tomado em assalto no dia 12 de agosto e o Corsa na última quarta-feira.

De acordo com o superintendente Neimir Cristóvão, durante o interrogatório, Clarice afirmou que os carros roubados seriam entregues a Marcelo Stocco, que está foragido da Penitenciária Central do Estado há 3 meses. Os carros são roubados em Curitiba e levados para São Paulo. No estado vizinho, eles são trocados por drogas. ?Depois, a droga é comercializada por aqui?, informou Neimir.