A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta terça-feira (6), a Operação Alienígena II, em conjunto com a Força Nacional de Segurança Pública e a Agência da Receita Federal do Brasil, em Marechal Cândido Rondon, no oeste do Paraná. A operação visa a combater o internamento e uso irregular de veículos com placas paraguaias por pessoas residentes no Brasil.

A primeira etapa foi deflagrada em outubro de 2008, em Guaíra, quando foram cumpridos 42 mandados de busca e apreensão de veículos e apreendidos cerca de 70 veículos, dentre carros, motos e utilitários. A imputação legal recai sobre o crime de descaminho, pois há sonegação tributária ao entrar com esses bens no território nacional, deixando de ser recolhidos tributos como IPI, ICMS, IPVA e outras taxas e multas que os veículos possam incidir.

Nesta etapa, foram cumpridos seis mandados de busca e apreensão, expedidos pela Vara Federal de Toledo, nas cidades de Marechal Cândido Rondon e Pato Bragado e apreendidos seis veículos estrangeiros.

Os bens foram depositados na Agência da Receita Federal do Brasil, onde aguardarão os trâmites legais pertinentes, e os respectivos proprietários foram intimados a comparecer na Delegacia de Polícia Federal, em Guaíra, para prestar os esclarecimentos necessários à autoridade policial que presidirá o inquérito.