O assassinato de João Edenilson Ibairre, 24 anos, encontrado morto atrás do Motel Dois Corações, em Fazenda Rio Grande, na sexta-feira, está desvendado. Seis pessoas, entre elas um adolescente, foram levadas à delegacia acusados de envolvimento direto e indireto no homicídio. O motivo do crime passional, apurou a polícia, é que os amigos de Luciane Zaverucka Carvalho, tomaram as dores porque ela apanhou de João, seu ex-marido, na noite de quinta-feira. Além de Luciane, estão detidos Andréia Aparecida Calixtro, Thiago Honorato, Amarildo Alves da Cruz, Rodrigo de Ferreira dos Santos e o adolescente de 17 anos.

Segundo apurou a Polícia Civil local, João e Luciane estavam separados há cerca de seis meses. Ele sempre ia ao motel, onde ela trabalhava, para combinar visitas às filhas do casal e tentar reatar o relacionamento. No entanto, Luciane teria apanhado do ex-marido, conforme levantou o superintedente Valdir Bicudo, da delegacia local. A pancadaria foi presenciada por Andréia, amiga do casal, que foi ao bairro Sapolândia avisar familiares e amigos de Luciane do ocorrido.

Thiago, Amarildo, Rodrigo e o adolescente, amigos de Luciane, imediatamente foram socorrê-la. Pegaram João quando ele saía do motel em sua moto e lhe deram uma surra. Usaram ainda um galho de árvore para terminar de matar a vítima. Depois jogaram o corpo num riacho atrás do motel.